Qual tipo de linhaça escolher? Dourada ou marrom?

Publicado Por: Maria Paiva

A linhaça é um alimento que vem sendo divulgado amplamente no Brasil, porém muitas pessoas ainda têm dúvidas quanto aos seus benefícios e qual variedade é a melhor para o consumo. Vamos esclarecer isto hoje!

Primeiramente é importante esclarecer que a linhaça é uma herbácea de origem asiática, classificada como alimento funcional. Este é o nome dado aos alimentos que além da simples nutrição, são capazes de agir ativamente em benefício da saúde, prevenindo e combatendo doenças. Na composição da semente de linhaça nós podemos encontrar fibras, proteínas, vitaminas A, B1, B6, B12, E, potássio, sódio, magnésio, fósforo, ferro, cobre, zinco, manganês, selênio, ômega 3 e ômega 6.

Estudos mostram que o consumo regular da linhaça é capaz de reduzir o colesterol ruim, amenizar os sintomas da TPM, ajudar no emagrecimento, prevenir doenças cardiovasculares, controlar o nível de açúcares no sangue, fortalecer o sistema imunológico e até mesmo prevenir o surgimento de câncer de mama, cólon e próstata.

Confira em outro post nosso os Benefícios da Linhaça.

A melhor variedade: dourada ou marrom?

linhaça dourada ou marrom?

Linhaça dourada e Linhaça Marrom

A linhaça dourada é frequentemente encontrada em locais de clima frio, sua casca é mais fina e seu sabor mais suave. Já a marrom é proveniente de climas mediterrâneos e por isso se adapta mais facilmente aos solos brasileiros, sendo encontrada aqui com mais facilidade. Em termos nutricionais a diferença entre ambas é muito pequena e faz com que sejam iguais na eficiência. O mais comum é que a dourada seja vendida por um preço maior, pois geralmente é importada, porém, isso não faz com que ela seja melhor e nem mais indicada. É realmente uma questão de gosto (e, às vezes, de bolso) do consumidor.

A quantidade certa

Mais importante que qual o tipo da linhaça escolhida, é consumir o suficiente dela. Para que os efeitos possam ser percebidos é necessário que se faça um consumo regular desta semente, mais ou menos o equivalente a 3 colheres de chá por dia. A linhaça contém poucas calorias, e uma colher de sopa de semente de linhaça tem aproximadamente 66 kcal.

Semente de linhaça ou linhaça moída?

A semente de linhaça, por ser um alimento bruto, necessita ser bem mastigada para que todos os seus nutrientes possam ser liberados e bem aproveitados. A própria casca já guarda algumas das vitaminas, minerais e fibras.

Entretanto, por ser muito grossa pode dificultar na hora de liberar os nutrientes para o nosso organismo. Já com a linhaça moída, sem a barreira da casa, todos os nutrientes ficam livres para serem absorvidos pelo corpo.

Há ainda de se considerar como a linhaça está sendo consumida. Para integrar a massa de pães e bolos, a linhaça moída é mais adequada. Já a linhaça em sementes dá um toque especial a saladas e legumes cozidos.

Contraindicações

Embora a linhaça seja um alimento natural é importante consumir com moderação, pois a sua ingestão em excesso pode ser prejudicial a saúde. Como regra geral, não é recomendado ultrapassar as 2 colheres de sopa diárias.

Para a absorção e processamento adequado da linhaça é recomendado também que se consuma bastante água.

Devido ao seu efeito laxante, ela deve ser evitada por pessoas que sofram de diarreia, diverticulite (formação de bolsas e quistos no intestino grosso), íleo paralítico, síndrome do intestino irritável e doença inflamatória intestinal. Em caso de dúvidas, é sempre recomendável consultar um médico ou nutricionista.

Seja consumindo a linhaça marrom ou dourada, ela é uma excelente maneira de complementar a sua alimentação. Você já faz uso deste super alimento? Conte para a gente qual a sua maneira favorita de integrá-lo à sua alimentação, nos comentários!

Receba Dicas e Promoções no seu E-mail. GRÁTIS!


One thought on “Qual tipo de linhaça escolher? Dourada ou marrom?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *