Diabetes

Tudo sobre a Diabetes Tipo 2

dsc423

A Diabetes Tipo 2 pode ser provocada pelo desgaste progressivo da ação da célula beta e da habilidade diminuída do corpo de usar a insulina, problema conhecido como resistência a insulina.

Esse tipo de diabetes acontece quando a insulina fabricada pelas células pancreáticas não é suficiente ou não atua de maneira apropriada. O pâncreas começa a produzir insulina insuficiente para as necessidades do corpo, deixando os sintomas mais visíveis. No entanto, as causas da diabetes tipo 2 pode variar consideravelmente de um paciente para o outro.

diabetes tipo 2

Confira os elementos de risco para o surgimento da enfermidade:

O que pode desencadear o surgimento da diabetes Tipo 2?

A diabetes tipo 2 conta com 90% dos pacientes que sofrem com essa enfermidade. O organismo de um diabético do tipo 2 pode sintetizar uma quantia pequena de insulina, mas essa quantidade não tem capacidade de atuar apropriadamente tornar a glicose em fonte de energia.

Quando o pâncreas está funcionando normalmente, ele acaba produzindo dois hormônios: a insulina e o glucagon. Esses hormônios fazem com que as taxas apropriadas de açúcar no sangue se mantenham estáveis ao longo do dia e da noite.

Depois das refeições, a taxa de açúcar cresce, a insulina vai para a corrente sanguínea para tirar o excesso de açúcar que a pessoa consumiu e faz o transporte, disponibilizando energia para todas as células do corpo.

Já quem sofre com a doença pode ter muita sede, vontade de urinar frequentemente e começa a perder muito peso sem nenhuma razão aparente. Desta forma, é essencial que você busque por um parecer medico para que o diagnóstico médico e laboratorial, através de testes de sangue, sejam realizados de forma apropriada.

Em certos casos, a doença pode não apresentar nenhum sintoma e assim tornar o diagnóstico e o próprio tratamento muito mais tardio. Para o médico descobrir que o paciente está com diabetes é fundamental fazer uma análise do paciente através do histórico de sua família e também de sua vida, além de testes físicos e com exames específicos, como um teste de dosagem da glicose na corrente sanguínea.

Além disso, para evitar o surgimento dessa enfermidade é essencial optar por desenvolver costumes alimentares saudáveis e não cair no grupo dos sedentários. Mais do que correr o risco de desenvolver a diabetes, quem não pratica nenhuma atividade física tem a possibilidade de contrair diversas doenças graves.

Tratamento para a diabetes tipo 2

Para administrar a taxa de açúcar no sangue, seu médico vai lhe auxiliar na identificação do tratamento vai fazer exatamente o que seu organismo costumava executar, automaticamente ao sintetizar a insulina.

Uma alimentação equilibrada e com alimentos saudáveis também será parte fundamental dessa etapa manter tudo devidamente controlado. Sendo assim, o recomendado é comer alimentos nutritivos e deixar de lado os alimentos que possuem excessos de gordura e/ou carboidratos. Além disso, realize atividades físicas com regularidade.

O seu médico também vai ensinar a você como deve ser feita a medição de nível de açúcar na sua corrente sanguínea para que você possa ter um tratamento correto. Vale destacar que de forma rápida, você vai adicionar no seu cotidiano todas as tarefas precisas para deixar a diabetes sob controle e manter a sua qualidade de vida com excelência.

Conheça o Programa Diabetes Controlada

O Doutor Rocha resolveu unir todo o seu conhecimento em aulas mostrando passo a passo como manter a diabetes em perfeito controle e, desta forma, criou o programa Diabetes Controlada.

Afinal, com o aumento dos números de internações em função de problemas com a enfermidade, especialmente, pela ausência de um tratamento adequada e de orientação certa se mostrou extremamente necessária o referido programa. O profissional resolveu que necessitava chegar a mais pessoas e oferecer seu sistema de tratamento e, sendo assim, elaborou todo o seu programa em vídeo.

Vale reforçar que esse tratamento já ajudou em mais de 27 mil casos a chegar ao controle da diabetes de maneira natural e, especialmente, auxiliou a evitar complicações da doença.

Comentário