Alimentação Saudável

Cloreto de Magnésio: entenda como ele auxilia no seu bem-estar

cloreto-magnesio

A gente se esforça para manter uma dieta equilibrada, seguir direitinho o manual da boa alimentação. Mas na correria diária nem sempre dá para cumprir isso à risca. O resultado: nutrientes a menos e os efeitos dessa carência no organismo.

É o caso, por exemplo, do magnésio, uma substância importante para o metabolismo e que nem sempre está em quantidade adequada ao bom funcionamento do corpo.

Uma insuficiência que, aliada a fatores como estresse, idade, bebidas alcoólicas e tabagismo pode trazer problemas circulatórios, reumáticos, arritmia, artrose e até infarto. Veja outras enfermidades e desconfortos decorrentes da falta de magnésio:

  • Ataques asmáticos
  • Aterosclerose, edemas, varizes, inchaços
  • Câimbras e dores nas pernas e extremidades
  • Depressão moderada
  • Desgaste do sistema nervoso
  • Diabetes do tipo I e II
  • Estresse crônico
  • Gastrite
  • Gota e ácido úrico
  • Hipertensão
  • Inflamações como artrites, osteoartrites e dores como a fibromialgia
  • Osteoporose e problemas ósseos
  • Parkinson
  • Perda do tônus cardíaco
  • Prisão de ventre
  • Rachaduras de pele, psoríases, eczema, acne, alergias e outros problemas de pele
  • Síndrome da fadiga crônica
  • Síndrome do pânico
  • Síndrome do prolapso da válvula mitral

Por razões como essas, muitas vezes é preciso inserir um suplemento desse mineral no cardápio. Aí entra em cena o Cloreto de Magnésio. Mas, afinal, o que é isso exatamente e o que ele faz?

  • Suplemento mineral, originado da água do mar
  • Acelera a respiração celular
  • Age sobre o sistema simpático, ajudando a controlar a atividade nervosa
  • Catalisa a ação de enzimas, hormônios e vitaminas
  • Participa da formação de cartilagens, dentes e ossos
  • Equilibra o pH sanguíneo pela neutralização direta de ácidos no sangue
  • Estimula as sínteses bioquímicas do organismo
  • Influencia o equilíbrio neuromuscular
  • Melhora a memória
  • Previne doenças em diabéticos
  • Regula a absorção do cálcio e potássio
  • Revigora o organismo e estimula a produção de defesas contra enfermidades

O Cloreto de Magnésio não é remédio, é alimento. Em geral, é compatível com qualquer remédio e não tem contraindicação – exceto para os que sofrem de insuficiência renal.

Essa substância que ajuda a por todo o corpo em ordem pode ser substituída pelo hidróxido de magnésio (leite de magnésia), pois este se transforma em cloreto no estômago, ao reagir com o ácido clorídrico. Porém, a absorção intestinal do cloreto é superior à do hidróxido.

Saiba mais sobre os benefícios do Cloreto de Magnésio

Por falar em estômago, o Cloreto de Magnésio é utilizado no alívio da má digestão, especialmente nos casos de pessoas com deficiência na produção de ácido clorídrico – que atua na quebra de nutrientes.

Os benefícios do Cloreto de Magnésio para os diabéticos merecem um capítulo à parte, pois o mineral é eliminado na urina deles e, portanto, esses pacientes têm deficiência constante nesse sentindo. O que prejudica a produção e excreção de insulina.

Tanto é que uma pesquisa feita em Harvard, nos Estados Unidos, mostrou uma redução de 34% nos riscos de contrair o tipo 2 da doença entre aqueles que tinham uma dieta rica em magnésio.

Já sua ingestão insuficiente é associada a complicações crônicas da diabete, como doenças nos olhos, rins, nervos e ulcerações do pé.

Articulações e coração em dia

Como uma das causas da pressão alta é a resistência dos vasos, que faz o sangue circular com mais força, o consumo correto de magnésio pode facilitar esse processo devido sua propriedade vasodilatadora. Bom demais para o coração!

Quanto às articulações, a substância evita que os músculos fiquem mais tensos e que, por isso, aumentem a força e o atrito que provocam o desgaste das cartilagens.

Mas antes de correr para a farmácia e adquirir um estoque de Cloreto de Magnésio, consulte seu médico e um nutricionista. Eles vão avaliar se há necessidade de uma suplementação ou não.

Artigos Relacionados

Comentário